18/06/14 | 18:16
Plano de trânsito deu resultado positivo no segundo jogo em Manaus

Equipes do Manaustrans garantiram trânsito seguro no entorno da Arena

A Arena da Amazônia recebeu 39.982 pagantes, nesta quarta-feira, 18, para ver a goleada da Croácia sobre Camarões. O público que foi ao estádio pôde, novamente, contar com um esquema de trânsito e transporte que garantiram o acesso e retorno tranquilo à Arena.

A Prefeitura de Manaus manteve toda a estratégia adotada no primeiro jogo e de acordo com o diretor do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), Stanley Ventilari, a população entendeu todas as interdições realizadas e não houve transtornos.

“A população já está ciente de nossa operação e dos pontos de interdição. Por isso, tudo fluiu mais tranquilo. Muitos torcedores optaram pelo transporte público e os que vieram de carro usaram os estacionamentos privados próximos à arena”, esclareceu.

Na área do transporte público, a SMTU disponibilizou linhas especiais com ônibus diretos para a arena saindo de cinco pontos espalhados na cidade.

Mais de 2,3 mil pessoas utilizaram os ônibus que saíram do estacionamento da Sefaz, Praça da Matriz, Povos da Amazônia, Aeroporto e Praça da Saudade via Praça São Sebastião.

Na Avenida Djalma Batista o trânsito estava liberado somente para o transporte público, possibilitando que os torcedores desembarcassem próximos à arena.

Dispersão

A operação de dispersão também foi tranquila. O perímetro da avenida Djalma Batista foi liberado por volta das 21horas. Todo o trabalho após a saída dos torcedores da Arena também foi acompanhado pelas equipes do Manaustrans. Segundo o agente Marlos Nicácio, a avenida Djalma Batista foi bloqueada até a dispersão do maior número de pessoas do estádio. A preocupação era para que não ocorressem acidentes. Enquanto a torcida deixava a arena, vários ônibus já estavam posicionados à espera dos passageiros.

Quem aprovou todo o trabalho foi o administrador Leonardo Santos. Ele foi de carro com a família para a Arena, mas optou em deixar o veículo em um dos estacionamentos sugeridos pelo Manaustrans. “Nós só temos a elogiar toda a organização. Tudo foi muito bem planejado e executado com muita tranquilidade”, afirmou.

Fotos:Marcelo Lima/Manaustrans.